domingo, 26 de junho de 2016

Arraia de samba e muita alegria


Ôh, meu santo Antônio... não deixe o samba morrer! Não deixe o samba acabar. A Vila foi feita de samba, de samba pra gente sambar. Mistura de ritmos musicais e de gente de todas as idades, porém constituídas da mesma alegria. Esse foi o Arraia da Associação do Samba da Vila Nova ocorrido, no último dia 25 de junho. O bar do Gaúcho foi o palco para os vários artistas, na roda de samba mais junina nunca vista antes, no setor de Goiânia.

Graça, sorrisos, palmas de um público caracterizado de chapéu, roupas em estampas de xadrez e muito samba no pé. Festa democrática com direito a milho cozido, paçoca de carne seca, pipoca, canjica, pé de moleque... Comidinhas feitas com bastante carinho pelos associados e distribuídos, gratuitamente, aos presentes.

A professora e terapeuta Cleide Mocó que conheceu pela primeira vez uma festa da Associação do Samba da Vila Nova irradiava alegria, enquanto dançava. “Eu adorei essa junção do junino com o samba, pois traz muita alegria e harmonia. Essa festa é transcendental”.

Cleide parabeniza a iniciativa e disse que dá todo o apoio necessário para a associação. “Espero que todo povo goianiense ajude a fortalecer essa organização. Pois, Goiás não é só sertanejo. Aqui tem muita gente negra ou não, que gosta do samba. Falta só oportunidade de colocar para fora essa raiz e essa alegria, que é o samba”, disse entusiasmada.

Beto Sales, Bruno Costa, BabySom, Fausto Feliz, entre outros artistas animaram o arraia, com forró, baião e claro muito samba. Os cantores iam revezando. A roda de percussionistas ecoava sons, sorrisos e companheirismo. Só que o mais feliz de todos ali, era o Fausto Feliz. Não pense que o sobrenome adjetivado veio com a carreira artística. É de nascença mesmo, como dizemos.

Fausto Feliz tem a raiz no samba. Vive o samba e para o samba. Afirma que é difícil fazer esse estilo musical em Goiás, que ganha notoriedade nacional pelo sertanejo. “Tudo bem que o sertanejo é âncora, mas o samba também é muito bem aceito”.

Sobre a Associação do Samba ele disse que demorou conhecer a Vila Nova e hoje se sente em casa, mais precisamente no quintal da casa dele. “Hoje eu vim com outro histórico, outro repertório, pois era quadrilha. Mas, aí pediram para eu fazer um samba, que é minha praia e deu nisso aí: só alegria”.

Cai cai balão. Cai cai balão aqui na minha mão... Vovó não quer casca de coco no terreiro. Pra não lembrar do tempo do cativeiro. Vila Nova é assim: união de ritmos que elevam a alma de qualquer um.

11 comentários:

  1. Lindo. Obrigada Amanda por descrever tão bem nossas emoções. Parceira de sempre da associação.

    ResponderExcluir
  2. Lindo. Obrigada Amanda por descrever tão bem nossas emoções. Parceira de sempre da associação.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Amanda,é isso. Mandou muito bem na escrita sobre o Arraià do samba.

    ResponderExcluir
  4. Perfeita matéria, a Associação Cultural do Samba da Vila Nova mais uma vez cumpre com louvor seu papel que é de levar a todos cultura, diversão, união entre as pessoas e música da mais alta qualidade.

    ResponderExcluir
  5. Foi muito bom mesmo, parabéns a organização.

    ResponderExcluir
  6. Foi muito bom mesmo, parabéns a organização.

    ResponderExcluir
  7. Foi muito bom mesmo, parabéns a organização.

    ResponderExcluir
  8. Belíssima matéria Amanda Costa. Você tem razão, foi uma festa linda! Aliás, todas as festas da Associação do Samba são excelentes. Sempre Somos presenteados com apresentações de artistas talentosos, além de compartilhar momentos especiais com pessoas amigas.....

    ResponderExcluir
  9. Parabéns Amanda pela matéria. E aos músicos da Associação cultural do samba da vila nova que encanta com a mágica de criar um som,De tocar os corações, De unir amigos os nossos agradecimentos!!!Cante,toque e encante.

    ResponderExcluir
  10. Parabéns Amanda pela matéria. E aos músicos da Associação cultural do samba da vila nova que encanta com a mágica de criar um som,De tocar os corações, De unir amigos os nossos agradecimentos!!!Cante,toque e encante.

    ResponderExcluir